Posts com a Tag ‘social games’

 

Mercado de jogos sociais crescerá em ritmo explosivo nos EUA, diz estudo

O mercado norte-americano de jogos sociais, incluindo versões para smartphones, deverá crescer em ritmo explosivo nos próximos anos, atingindo uS$ 5,5 bilhões em 2015.  A previsão consta de estudo da BI Intelligence, provedora de informações e análises sobre a indústria da internet.

Os  analistas da BI Intelligence salientam que esse montante é mais do que o dobro do valor que  especialistas do mercado estimaram para 2011, em torno de US$ 2 bilhões.

O estudo prevê que o segmento de games sociais provocará um processo disruptivo na indústria de games. Isso ocorrerá quando o produto se tornar serviço o for oferecido no modelo free-to-play (livre para jogar).

A BI Intelligence conclui, ainda, que novos jogos sociais exercem apelo sobre  públicos diferentes, dos iniciantes aos hardcore, e isso deverá impulsionar a sua popularização. A monetização no segmento, por sua vez, tende a crescer a medida que mais pessoas pagam e a publicidade em social game se torna mais valiosa.

 

Game Vostu Mysteries atinge 1 milhão de usuários e fornecedora quer parcerias de conteúdo

A desenvolvedora de games sociais Vostu planeja mesclar o enredo do seu jogo Vostu Mysteries por meio de parcerias de conteúdo com grandes empresas. Disponível no Orkut e Facebook, o game acaba de atingir a marca de 1 milhão de usuários cadastrados, três semanas após o lançamento. “Já imaginávamos que seria um sucesso, por conta do enredo muito atraente para usuários das redes sociais”, diz Daniel Kafie, CEO da Vostu.

Segundo Kafie, o jogo guia o usuário através de casos baseados em lendas e histórias ao redor do mundo e demanda construção de mansão. Para tanto, disponibiliza elementos adicionais, como itens de decoração. O game também permite cenas especiais fora da história principal.

Apresentando-se como maior desenvolvedora de jogos sociais do Brasil, a Vostu informa que já atraiu mais de 50 milhões de jogadores nas redes sociais Orkut, Facebook e Google+ por meio de jogos como GolMania, MegaCity, Mini Fazenda, Café Mania, MegaPoker, Pet Mania e Rede do Crime.

Jogos sociais avançam para o e-commerce

Com expectativa de faturar US$ 238 milhões em 2014 (contra US$ 136 milhões estimados para 2011, segundo levantamento da empresa americana SuperData), o mercado brasileiro de games sociais deverá avançar este ano para a integração dos jogos ao processo de compra virtual, conforme prevê o gerente de marketing da JET Tecnologia em Comércio Eletrônico, Marcelo F. Silva. “O que se espera é que essa tendência dê muito certo quando relacionada ao gosto do público-alvo”, diz ele.

Segundo Silva, os games têm o potencial de tornar a compra uma experiência mais divertida, o que pode levar a um impacto positivo no volume de vendas. Atualmente, eles funcionam como ferramentas de marketing para estimular a interação do público-alvo com a marca ou empresa.

Na avaliação do gerente, esses jogos não precisam estar implementados diretamente na plataforma de vendas.. “Podem ser disponibilizados nas fan pages, por exemplo. O ambiente é propício para aumentar a interação do público e facilita a inserção de aplicativos. O que está claro é que eles podem ser aliados na hora da venda”, diz.

 

O Brasil tem hoje aproximadamente 35 milhões de usuários de jogos sociais, segundo levantamento da NewZoo.