Posts com a Tag ‘E-life’

 

Trending Topics no Brasil apontam para fenômeno da segunda tela, diz E-life

Estudo da  E.life, especializada em inteligência de mercado e gestão do relacionamento nas redes sociais, aponta que assuntos relacionados com eventos e programas de TV são os mais populares no Twitter entre os usuários de São Paulo e Rio de Janeiro. As duas categorias juntas somaram 55% dos termos que mais vezes chegaram aos Trending Topics (tópicos mais populares no microblog) nas duas cidades, entre os dias 19 de janeiro de 2012 e 23 de março de 2012.

Os números da E.life indicam o fortalecimento no país do fenômeno da segunda tela, que ocorre quando pessoas conversam por meio de redes sociais, via dispositivos móveis ou PCs, ao mesmo tempo em que assistem programas na televisão.

“Essa tendência deve estimular as agências de propaganda e os profissionais de comunicação a desenvolverem peças para mídias tradicionais mais conectadas às redes sociais, utilizando mais recursos como hashtags e fanpages, linkados a essas campanhas”, diz Alessandro Barbosa Lima, principal executivo da E.life.

De acordo com o monitoramento, os cinco assuntos que mais vezes apareceram nos TTs do Twitter em São Paulo foram, pela ordem: Carnaval, Big Brother Brasil, Oscar, Mulheres Ricas e Brasil. No Rio de Janeiro, os temas foram os mesmos, mas em ordem ligeiramente diferente: Carnaval, Big Brother Brasil, Oscar, Brasil e Mulheres Ricas.

Insônia leva paulistas ao Twitter

Pela capacidade de reunir internautas em torno de um interesse comum no Twitter, as hashtags também funcionam como ferramenta para identificar públicos de interesse e analisar o seu comportamento, por meio dos diálogos espontâneos postados no microblog.

Um exemplo é a hashtag #insonia. O termo — que significa dificuldade de adormecer ou de manter o sono –chegou aos Trending Topics (temas mais comentados do Twitter) e foi analisado pela E.life, especializada em estudos comportamentais no mundo digital.

O resultado revelou um mapa em que se identificam os estados da federação onde se concentra a maioria dos insones, as causas por eles atribuídas à dificuldade de dormir e as associações que fazem ao distúrbio, entre outras informações.

Realizado entre os dias 5 a 15 de novembro último, o estudo da E.life revela, por exemplo, que dos 24.055 depoimentos com menção à palavra-chave no período o maior número partiu do estado de São Paulo (2.672 tweets). Bem atrás, vêm os estados do Rio de Janeiro (966) e Rio Grande do Sul (780).

Quaisquer que sejam as explicações para esses resultados, deve-se levar em conta que eles refletem a distribuição de internautas no Brasil, conforme lembra a empresa de pesquisa.

A maior concentração dos insones ocorreu entre 1h e 2h, sendo que foi na terça-feira, e não no fim de semana, que houve a maior geração de mensagens. De acordo com essa pesquisa, o internauta coloca o próprio Twitter e a internet entre os principais motivos de sua insônia.